21.3.09

522




o DIA DO TEATRO no KAOS

521

520












Mário Lino admite custos adicionais, mas considera não ter havido descontrolo

Molhes do Douro derrapam 11 milhões

(e pelo meio abandonou-se a parte mais interessante do projecto que era o aproveitamento da energia das marés) CM e JN

519



Inspecção ameaça com dissolução da Câmara

Exigidas informações sobre processo do kartódromo "ilegal"

no JN

19.3.09

516







Será que a Senhora da DREN ao assumir-se como loira quer passar uma mensagem subliminar ao País?

515





«Diz-me com quem andas, dir-te-ei
quem és»

17.3.09

513

AJUSTES DIRECTOS:


Ah, boquinha de ouro!


346052009-03-13Câmara Municipal de MatosinhosYeti Editores - Sociedade Unipessoal LdaLocução de vídeo institucional12.500,00 €


Do Constantino Nery (não haverá na Câmara funcionários, sobretudo vindos dos SMAS, que pudessem ser usados no teatro, sem ser necessário recorrer a empresas de trabalho temporário?):

322232009-03-06Câmara Municipal de MatosinhosMULTIPESSOAL - TRABALHO TEMPORÁRIO, S.A.Contratação de empresa para prestação de serviços de 2 Camareiros e 5 Frente Casa para o Teatro Constantino Nery46.282,80 €
318752009-03-05Câmara Municipal de MatosinhosFora de Cena Unipessoal Lda.Contratação de empresa para prestação de serviços de 2 Técnicos de Vídeo para o Teatro Constantino Nery35.290,00 €
318762009-03-05Câmara Municipal de MatosinhosZona Básica - Actividades Artísticas Unipessoal Lda.Contratação de empresa para prestação de serviços de 1 Técnico de Som para o Teatro Constantino Nery21.440,00 €
320402009-
-03-05
Câmara Municipal de MatosinhosFeitos e Efeitos Promoção e Organização de Eventos, L.daAquisição de serviços - Concepção e Produção de Convites, flyers e lonas.7.500,00 €
321772009-03-05Câmara Municipal de Matosinhosa+b designers associados, l.daProdução e design de folhetos, folha de sala, anúncios, mupis, cartazes e anúncios em suporte digital.9.900,00 €

512








Morreu ALVESS (Manuel Alves) um dos mais interessantes artistas portugueses. 




16.3.09

511








TEIXEIRA DOS SANTOS assalta, mais uma vez, o bolso dos pobres.
Quanto aos bancos, continuam bem!

510






PSD-Matosinhos acusa autarquia de gastos supérfluos

 Margarida Gomes

A presidente da concelhia do PSD de Matosinhos, Clarisse Sousa, faz uma crítica velada aos actuais autarcas do partido no executivo, declarando que se fosse vereadora teria votado contra a proposta socialista de aquisição de cinco novas viaturas para a câmara municipal, duas das quais para o uso do presidente da autarquia. 
"Se estivesse lá, não teria votado da mesma maneira [que os vereadores do PSD, que viabilizaram a proposta], porque considero que não estava em causa uma medida para beneficiar o concelho, mas sim para onerar os cofres da autarquia", declara a dirigente, que deixa um desafio aos vereadores de Matosinhos para que passem a utilizar os transportes públicos. 
Afirmando que "carros de luxo que foram adquiridos pela câmara correspondem a gastos supérfluos", Clarisse Sousa estende a sua indignação à forma como as empresas municipais Matosinhos Habit (que faz fundamentalmente a gestão do património habitacional do município, lidando com a atribuição de casas, rendas e obras) e a Matosinhos Sport (que faz a gestão de equipamentos desportivos e de lazer) estão a ser administradas. 
A presidente da concelhia de Matosinhos do PSD, que, na semana passada, em conferência de imprensa, criticou o presidente da Câmara de Matosinhos, Guilherme Pinto, de ser insensível à crise económica e financeira e de estar mais preocupado em "comprar carros de luxo", não encontra razões para os administradores daquelas duas empresas disporem 24 horas por dia dos carros que lhes são atribuídos. "Justifica-se que tenham carro, mas não para uso pessoal", argumenta a dirigente.
Confrontado pelo PÚBLICO, o presidente da autarquia, Guilherme Pinto, alega que os administradores da Matosinhos Sport e da Matosinhos Habit beneficiam das mesmas contrapartidas que os administradores de empresas de outras câmaras". E preferiu assinalar que a satisfação dos cidadãos com a actividade da Matosinhos Habit é enorme, do ponto de vista do cumprimento dos objectivos

No PUBLICO; ainda pela pena da Margarida Gomes.
De quem não se fala nesta notícia?
Do comedor!

509






Posso enganar-me, mas vem aí mais uma asneira das grossas.
É, ainda, a desjudialização! 
Para ver o tamanho da «coisa», aqui.
Toda a gente do ramo ( Juizes, Ministério Público, Notários, Advogados) está contra e avisou para os riscos.
Mas os nossos políticos avançam, intrépidos. 

15.3.09

508






ISTO é o sinal da aliança que se entrevê e dizem estar negociada?

507









Eu sei que é insalubre, mas quem for curioso pode espreitar (com cuidado)